pt-br 9:00 - 18:00 (UTC -3)
pt-br 9:00 - 18:00 (UTC -3)

O poder da linguagem nos negócios

Se perguntarmos às pessoas quais os principais conceitos e conhecimentos necessários para o âmbito dos negócios, a maioria dará exemplos que se repetirão bastante, como planejamento, ética, visão estratégica, marketing, entre outros. Mas há um aspecto realmente importante e imprescindível na prática que, apesar da sua relevância, não são poucas as vezes que fica esquecido. Agora nos diga, você já parou para pensar o quanto a linguagem pode influenciar nos negócios? Veja conosco o poder da linguagem nos negócios!

A linguagem tem muito mais importância do que a gente imagina. Afinal, se refletirmos bem, as coisas existem quando podem ser expressadas por meio da língua. Isso quer dizer que a existência de qualquer coisa, até mesmo do que for inventado, é possível graças ao que linguisticamente pode ser dito. Desse modo, podemos ir tomando consciência da dimensão que abrange o poder da linguagem. Então, por que os negócios ficariam de fora dessa realidade?

Qual o poder da linguagem?

A linguagem tem muito poder e, dependendo do que quisermos conseguir, precisamos saber usá-la para chegar ao resultado almejado. Uma das funções que cabe, quase em sua totalidade, à linguagem é o fato do convencimento. Claro que há várias maneiras de persuadir as pessoas a respeito de uma ideia ou até da compra de um produto, como no caso dos afiliados. Mas, com certeza, a maior arma com poder de convencimento que dispomos é a língua.

Como você acha que é a forma mais eficaz de convencer alguém de algo que você acredita? Exatamente, por meio das palavras. Como falamos em outra postagem, tudo o que inclui a parte gráfica é muito importante, isto é, os desenhos, as animações, as cores etc. Isso porque, muitas vezes, a mensagem é dada em forma de imagens ou estas complementam o sentido do que se quer comunicar. Mas não é todo tipo de conteúdo que funciona com gráficos, por isso, nada como a ferramenta verbal. Afinal, o leque de possibilidades verbais é tão grande que não podemos abrir mão delas. Você já ouviu que o ser humano pode conseguir qualquer coisa que quiser por meio da linguagem? É bem isso. Mas como?

Pois bem, a linguagem permite que você consiga tudo o que desejar, já que é a maior ferramenta de poder. Basta as pessoas utilizarem duas operações básicas, mas imprescindíveis, para dar forma a uma mensagem. Isto é, a seleção e a combinação. O efeito que a mensagem  provoca está nas palavras que são escolhidas e em como elas são combinadas.

Existe a arte de negociar?

Se refletirmos no processo de negociação, veremos que, por serem necessários aspectos e características fundamentais, podemos falar que negociar é quase uma arte. Arte por meio da qual as partes envolvidas buscam chegar a um acordo.

Mas isso significa que a negociação é uma atividade desenvolvida unicamente por algumas pessoas, com uma determinada formação e certa profissão? Claro que não. Longe do que podemos imaginar, todos negociamos o tempo todo, seja no âmbito dos negócios ou da vida pessoal, precisamos de negociar. E, para isso, temos que cumprir alguns requisitos ou, no mínimo, possuir algumas habilidades. As principais, sem dúvida alguma, são referentes à linguagem. O fator principal de qualquer negociação, mais do que qualquer outro ingrediente, é a linguagem. Normalmente, pensamos que o segredo está no que temos a oferecer, quer dizer, na proposta propriamente dita, mas, na maioria das vezes, o mais relevante é o modo como é feita a proposta. E este, querendo ou não, está determinado pelo uso da linguagem.

Palavras são tudo. Sabendo quais utilizar, como e quando, qualquer negociação pode terminar em um acordo favorável para você. Então, será que podemos pensar na negociação como uma verdadeira arte da linguagem? Com certeza, pois será dela que dependerá, em boa parte, o sucesso do fechamento de um acordo.

Então, você achava que negócios só eram questão de marketing, cálculos e estratégias econômicas? Pois se enganou. Também é preciso dominar linguagem, idioma e regras de escrita e discurso oral. Como é que você está com essas questões? Pense bem no poder da linguagem nos negócios, pois os seus acordos dependerão disso.

SE VOCÊ AINDA NÃO TRABALHA CONOSCO, NÃO HESITE MAIS. CADASTRE-SE AGORA!