pt-br 9:00 - 18:00 (UTC -3)
pt-br 9:00 - 18:00 (UTC -3)

Como vender pelo WhatsApp?

Provavelmente, você já tenha experimentado as mais diversas técnicas e ferramentas, para alcançar um público cada vez maior. Porém, acontece que, neste mundo em permanentes mudanças, temos que nos adaptar continuamente. Muito mais ao se tratar de um negócio, pois o objetivo de qualquer negócio é atingir determinadas metas numéricas, certo? Para consegui-lo, é imprescindível estar sempre alinhado às tendências massivas de comunicação e vendas. E o WhatsApp não é exceção. É mais uma via de contato com os possíveis compradores, mas também é bem mais do que só isso. Você sabia que pode utilizar o WhatsApp diretamente para vender? Aprendamos juntos algumas considerações para saber como vender pelo WhatsApp.

Há alguns tópicos que podem parecer óbvios, porém nunca está demais lembrá-los. Em primeiro lugar, é importante que você possua tanto um aparelho celular quanto um número especificamente para isso. Isto é, você deve ter essa via de contato destinada exclusivamente à atividade comercial, sem misturar assuntos pessoais. E, em segundo lugar, também evidente mas não menos importante, está o fato de se familiarizar com a ferramenta web do aplicativo. Usar a versão web é muito útil, quando se trata de negócios, já que é muito mais prática para atender muitas pessoas.

Mas essas são somente duas considerações essenciais, antes de começar com algumas dicas importantes. Vamos ver o que mais precisamos para tirar o maior proveito do WhatsApp para negócios?

Passo 1: consiga contatos

É claro que, para aplicar uma estratégia de marketing via WhatsApp, você precisa dos contatos. Parece até um absurdo lembrar isso, mas não é tanto, pois nem sempre temos o costume de pedir o WhatsApp a clientes e potenciais clientes. E veja se será importante! Disso dependerá que você possa ou não utilizar esta ferramenta. E tem mais ainda, para que o investimento seja mesmo rentável, o melhor será possuir muitos contatos.

Passo 2: divulgue o seu número de contato

Podemos dizer que o primeiro passo se completa com o segundo. É importante que você consiga contatos, como explicamos mais acima, mas tanto ou mais importante é que você divulgue o seu número, por quanto lugar for possível. 

Se você recém vai começar com essa campanha e quer que a sua nova via de comunicação ganhe relevância e visualização em poucos dias, uma boa prática pode ser elaborar um e-mail marketing convidando as pessoas a registrarem o seu número.

Passo 3: crie um grupo de transmissão

Assim que você tiver uma lista considerável de contatos, crie um grupo de transmissão. No começo, quando você tiver só algumas poucas pessoas agendadas, aparentemente não fará sentido contar com um grupo de transmissão. Mas, à medida que os contatos forem em aumento, mais do que útil, será imprescindível para poupar tempo. Além disso, você somente terá que se dedicar a montar uma mensagem única, revisada e corrigida, e já depois poderá enviá-la automaticamente para todos. Para que a mensagem chegue a todas as pessoas, elas necessariamente devem ter o seu número salvo. Caso contrário, elas não receberão nada do que for enviado no grupo.

Se com o passar do tempo você tiver muitos clientes e eles apresentarem diferentes perfis, você poderá fazer mais de um grupo, dependendo do que for oferecer a cada um deles.

Passo 4: planeje o envio de conteúdo

Logo após a criação do grupo de transmissão e antes de enviar qualquer coisa nele, você deve fazer um simples planejamento. Você tem que lembrar que o grupo não será para enviar mensagens improvisadas e sem um conteúdo comercial relevante. Jamais esqueça que é uma via de negócios e não de contato social. Pense o que vai enviar aos clientes, em que momento e com que frequência.

É importante não se esquecer de que se trata de uma via de contato muito pessoal do cliente, que usa permanentemente. Isso significa que não pode utilizar o número do cliente para mandar conteúdos sem importância o tempo todo, indiscriminadamente. A mensagem deverá ter um certo valor, para que o cliente a considere boa e não decida simplesmente exclui-la.

E você já está utilizando esta ferramenta para divulgar marcas e produtos? Pense bem como poderia tirar o maior proveito dela, consiga muitos contatos e faça um uso adequado, para não cansar o cliente. É só mais um meio de contato, para mandar comunicados em determinadas ocasiões, não um meio massivo de publicidades. Agora que você já sabe como vender pelo WhatsApp, é só levar à prática. Bom trabalho!

SE VOCÊ AINDA NÃO TRABALHA CONOSCO, NÃO HESITE MAIS. CADASTRE-SE AGORA!