pt-br 9:00 - 18:00 (UTC -3)
pt-br 9:00 - 18:00 (UTC -3)

Tudo sobre como aumentar a produtividade trabalhando em casa

Nós sabemos do seu trabalho e dedicação e de quanto pode chegar a custar organizar uma rotina que seja realmente eficiente e produtiva, para trabalhar em casa. Pois nós entendemos de afiliação e compreendemos o esforço que nossos afiliados fazem. É por isso que pensamos em compartilhar com você algumas considerações que, se aplicadas corretamente, serão muito úteis. Você quer saber como aumentar a produtividade?

O que considerar para aumentar a produtividade?

Quando alguém passa a trabalhar como afiliado, suas principais tarefas começam a ser desenvolvidas em casa. Essa é uma excelente novidade, se considerarmos todos os aspectos negativos ou cansativos, no mínimo, de um trabalho tradicional. Mas não podemos ficar somente com isso, confundindo ideias ou pensando que tudo passará a ser incrível, relaxado e sem preocupações, isto é, com os benefícios de ser freelance. Há várias considerações que devem ser feitas, para evitar que as distrações, a desmotivação ou a falta de organização terminam afastando, a um segundo plano, todas as vantagens da mais atual e frequente modalidade de trabalho.

Claro que há aspectos puramente técnicos ou referentes à sua área de atividade que você não pode esquecer. Mas hoje queremos focar em outro tipo de dicas que serão úteis para que você consiga encaixar todas as peças, para dar a forma mais adequada possível a essa aventura de ter um home office.

5 tópicos que determinarão sua eficiência em um home office

Há certas características às que não prestamos muita atenção, quando o nosso trabalho é fora de casa e, principalmente, quando não dependem de nós. Mas quando decidimos montar um home office, é imprescindível dedicar tempo a elas. Veremos quais são os cinco tópicos que determinam nossa eficiência e produtividade, vamos lá?

1- Estabeleça uma rotina

Pode até parecer lógico, mas muitas vezes não é tanto. Uma parte que, com certeza, seduz bastante de montar um home office é o fato de não ter horários ou de poder trabalhar a quantidade de horas que a pessoa desejar. Mas isso tem suas vantagens e desvantagens, pois é preciso ter uma determinada rotina para fazer as atividades e colocar horários, para não acabar destinando mais tempo ou dando voltas um dia inteiro com a mesma coisa.

A maior vantagem disso é que você pode dividir o seu dia como for mais confortável e adequado para você, podendo assim aproveitar os momentos de mais inspiração para trabalhar e os de mais cansaço para pausar o trabalho. Um bom conselho é que, no começo, você teste para ver quais os horários são mais produtivos, para organizar o seu trabalho em conformidade com eles.

2- Aprenda a priorizar tarefas

Seja onde for, e na modalidade que for, que você trabalhe, ser organizado quanto às tarefas que tiver é uma excelente habilidade. E se for para trabalhar em casa, melhor ainda. Você tem que lembrar que será você mesmo quem listará as diferentes atividades, portanto, a priorização e o planejamento das tarefas se tornam imprescindíveis. Você tem que identificar a importância e o grau de urgência de cada coisa que deve ser feita, para não cair no erro de que não fiquem bem distribuídas.

3- Destine um lugar específico para trabalhar

Uma das possibilidades que mais motiva para trabalhar em casa é essa ideia de ficar no maior conforto, ficando horas no sofá e outras na cama, tomando café e até assistindo à TV. Mas será que isso realmente funciona? O nosso conselho é que você não adote o costume de transformar o seu dia de trabalho praticamente em um dia de descanso, e isso por vários motivos. Em primeiro lugar, porque é necessário, de alguma maneira, marcar uma diferença entre o que você faz por trabalho e o que você faz fora dele, pois tem que entender que o trabalho não pode ocupar toda sua vida, nem sua vida pessoal passar a conviver por inteiro com a profissional. Outra explicação para não confundir trabalho com vida pessoal é que você tem que manter os momentos unicamente de lazer.

Para conseguir tudo isso, sem dúvidas, uma das prioridades a ser pensadas é em um lugar determinado da casa exclusivamente para trabalhar. Claro que pode mudar de sala, por momentos, para não passar o dia todo dentro das mesmas quatro paredes, mas isso não significa fazer de cada canto da casa uma sala de trabalho. Utilize uma sala só para isso, coloque uma escrivaninha e ventile o espaço. Dito de outro modo, monte seu escritório, dentro de sua própria casa.

4- Mantenha conversas com outras pessoas

Trabalhar em casa é um dos trabalhos mais solitários. Você fica sozinho na sua casa, em uma sala somente sua e perde o hábito de sair, de trabalhar com mais pessoas no mesmo lugar e de conversar com elas. São muitas as vantagens desta modalidade de trabalho, mas também é preciso tomar cuidado de não ficar completamente isolado, pois isso pode prejudicar a sua capacidade de trabalhar em equipe, de compartilhar momentos diferentes e de respirar um pouco do exclusivamente profissional. Então, para não terminar afetando a sua produtividade, é muito bom que você mantenha contato com outras pessoas, com quem possa conversar.

5- Divida o seu dia em partes relativamente curtas

Talvez para algumas pessoas seja útil trabalhar muitas horas seguidas e depois cortar, para retomar suas atividades no dia seguinte. Mas uma boa sugestão também pode ser cortar várias vezes, quer dizer, completar a jornada em blocos. Isso pode fazer com que cada período seja mais produtivo, por ter atingido mais concentração em cada um deles. Aliás, ao cortar a cada certa quantidade de horas, você pode aproveitar esses momentos de lazer para fazer algo do que goste, divertir-se com algum método de entretenimento ou até aproveitar para dormir um pouco.


O que achou destas dicas? Se você ainda não trabalha como afiliado, considere cada uma delas para aplicá-las já no começo. Caso você já tenha o seu home office, leve a sério esses tópicos para saber como aumentar a produtividade.

UNA-SE À NOSSA EQUIPE AGORA!