pt-br 9:00 - 18:00 (UTC -3)
pt-br 9:00 - 18:00 (UTC -3)

Crie o seu próprio site

Quando pensamos no trabalho dos afiliados, dificilmente temos em mente, como primeira opção, a criação de um site. E isso é devido a vários fatores, como por exemplo, as expectativas profissionais de cada um, o orçamento disponível e os interesses pessoais. Porém, há também um outro motivo que queremos destacar, que é o pensamento de que criar um site é muito difícil. 

Na verdade, existem sim algumas dificuldades, mas também há diferentes alternativas. Algumas, mais profissionais, complexas e caras, e outras, mais simples, que podem ser adaptadas perfeitamente às suas necessidades, sem ser um processo estressante.

Por isso, hoje queremos mostrar para você algumas considerações interessantes, que podem fazer você mudar um pouco essa visão e entender que contar com um site pode ser uma boa oportunidade de crescimento e de desenvolvimento profissional. Pois, afinal, quem é que não quer melhorar a cada dia e crescer dentro do âmbito de trabalho, não é mesmo? 

Então, vamos tirar algumas dúvidas juntos!

Site ou blog?

A primeira dúvida que você pode ter é: o que criar, um site ou um blog? Para responder a essa pergunta, é preciso entender que blogs e sites são coisas diferentes, principalmente, porque cumprem funções diferentes. 

O site serve como apresentação. Isto é, quem é você, o que você faz, algum método de contato, etc. Já um blog é uma página destinada exclusivamente para produção e compartilhamento de conteúdo. Nele você pode postar artigos, colocar infográficos, imagens e vídeos. 

É uma boa opção ter um site com blog?

Como explicamos anteriormente, site e blog são coisas diferentes, mas eles podem se complementar! De fato, essa é uma excelente forma de fazer o seu empreendimento de afiliado crescer, já que você consegue ter uma apresentação formal do seu trabalho e, ao mesmo tempo, aproveitar esse mesmo canal para mostrar como é o seu trabalho e compartilhar conteúdo útil com os seus seguidores. Essa estratégia também serve para aumentar a quantidade de seguidores, pois muitos vão conhecer você por meio dos materiais que você posta.

Assim, uma das divisões do seu site será o blog, além das clássicas quem somos, o que fazemos, contato, entre outras.

Como criar um site?

A opção mais eficiente e profissional é criar um site com a ajuda de programadores e designers, mas claro que isso tem o seu custo e, dependendo das características, pode ser bastante elevado. Porém, dependendo das suas exigências e necessidades, você pode optar por opções mais simples e baratas, optando até mesmo por ferramentas completamente gratuitas.

Como é de se imaginar, as plataformas gratuitas para criação de sites têm as suas limitações quanto às funcionalidades. Como por exemplo, o domínio do seu site não será propriamente seu, pois ele terá no começo o domínio da plataforma e, só depois, virá o nome que você escolher para o site. Mesmo assim, esse tipo de ferramentas é muito útil, principalmente, se você está começando. Essas plataformas têm a vantagem de serem muito simples de manipular, portanto, você mesmo poderá mexer nelas, fazer suas escolhas e ter o seu próprio site. E com o passar do tempo, já com mais seguidores e com outros recursos, você poderá melhorar o seu site aos poucos.  

Para citar alguns exemplos de ferramentas, você pode pensar no Google Sites ou Wix Sites. Com as duas você consegue criar o seu site de zero e sozinho, escolher vários aspectos do design, cores, imagens, tipos de letras, adicionar botões e mais. Vá testando o que se ajusta melhor para o seu caso, veja quais os formatos você mais gosta e comece. 

Lembre-se de que o seu foco é o conteúdo, então, faça boas descrições, coloque imagens de promoções, compartilhe o seu promocode, conte a sua experiência, etc. E nunca se esqueça de deixar, no mínimo, uma opção de contato. Pode ser um formulário, o seu email, WhatsApp, Skype ou diferentes redes sociais que você utilizar.

Antes mesmo do seu site estar no ar, é importante que você tenha colocado uma boa quantidade de conteúdo e que tenha feito divisões dentro dele. Ou seja, dito de uma forma simples, que o site tenha cara de site. Caso contrário, as pessoas que acessarem podem achar que não é sério, que não é muito útil ou que se trata de uma opção pouco confiável. Pense em todas as coisas que são mais importantes para você, como cliente, nos sites que você visita e tente replicar no seu.

SE VOCÊ AINDA NÃO É NOSSO AFILIADO, COMECE AGORA, CADASTRANDO-SE AQUI.